21 de maio de 2008

Sobretudo Agora

(foto por Ssilence - DeviantArt)


Sobretudo agora
Após tantas e tantas palavras soltas
Somando subtrações e reviravoltas
Lançando dados em tabuleiro alheio
Semeando sopro na esperança de colher um vento sequer
Sobretudo agora
Depois de decisões tomadas
Após fases agudas e remissões
Perdoando e pedindo perdão
Olhos postos em prêmio que não se pode ganhar
Sobretudo agora
Após refletir o impensável
Compreender o irrefutável
Confundir o oráculo
Nomear o que já foi batizado
Renascer das cinzas
Ponderar no verso e na prosa
Sequer jogar moeda no poço
Trocar o trigo pelo joio
Perder o fôlego
Sobretudo agora
O cansaço trouxe a paz
A paz trouxe o entender
O entender trouxe a ação
A ação fez acontecer
E acontecendo, o mundo deu mais uma volta

5 comentários:

Miguel Barroso disse...

E em boa hora aqui vim degustar estas palavras. Abraços do EU, SER IMPERFEITO e d´A SEIVA

Alice disse...

Não perco uma publicação sua nem que me proíbam. Gosto de ler. Me faz bem porque é o que é e é forte "que nem a voz".

E fico feliz ao vê-lo criar, John. É presente que não fica antigo.

Sua amiga,
Letícia

Zélia Palmeira disse...

Quando percebemos as voltas que o mundo dá mostramos que crescemos e que somos capazes de tomarmos decisões que nos tornarão mais "vivos" neste mundo.

O acontecer é que faz a diferença!

;)

Narradora disse...

Belo.
Essa paz, que pra você vem do cansaço, eu alcanço, quando silencio e deixo estar.
Bjs

Camilla Tebet disse...

O cansaço opera milagres mesmo uuuuuuuuuuuuuuuu. Nos faz lembrar de que é preciso parar. Não precisa parar corpo nem mente, às vezes é preciso parar uma certa parte de nós, pra aí a paz chegar e entender que é muito cedo para não ter mais ação. Quantas voltas o mundo dá pra quem pensa o que vc pensa?
Adoro seus textos.Sempre